World Creativity and Innovation Week 2023!

Desde a sua fundação em 2001, a Semana Mundial da Criatividade e Inovação começa em 15 de abril, aniversário de Leonardo da Vinci, e termina no dia 21. Em 2017, a ONU – Organização das Nações Unidas, reconheceu 21 de abril como a data oficial para celebrar a criatividade e a inovação em todo o mundo, com a resolução 71/284, que afirma que “[…] a criatividade e a inovação humana, tanto a nível individual como coletivo, se tornaram a verdadeira riqueza das nações no século XXI, […]”. O dia 21 faz parte da resolução 70/1 (25/09/2015) com o título Transformando Nosso Mundo: a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, na qual adotou um conjunto abrangente de objetivos universais e transformadores para o Desenvolvimento Sustentável. Dessa forma, a Semana Mundial da Criatividade e Inovação enfatiza a importância de uma nova maneira de pensar para criar uma vida decente para todos em um planeta sustentável.

Na Mindshake, temos muito orgulho em termos participado desde 2015 da celebração internacional da Semana Mundial da Criatividade e Inovação com diversos eventos públicos e com mais do que uma publicação coletiva, juntando-nos ao movimento internacional dedicado à promoção do Pensamento Criativo na evolução das sociedades.

Primeira reunião dos embaixadores europeus da WCIW em janeiro de 2023, onde foram apresentadas à equipa Katja Tschimmel, Margaret Mangion (nova embaixadora de Malta) e Geneviève Morand (Suíça).

No final de 2022, a líder dos embaixadores europeus da WCIW, Dorte Nielsen, convidou a fundadora da Mindshake, Katja Tschimmel, para ser a embaixadora portuguesa, sucedendo à Dra. Ivete Azevedo, que abraçou este papel nos últimos anos através da sua vida criativa e do seu trabalho como diretora do Torrance Center Portugal.

Na Mindshake, estamos felizes e orgulhosos em apoiar Katja no seu novo papel como Embaixadora Portuguesa da WCIW.

O mote para a WCIW 2023 é INSPIRAR e, como temáticas inspiradoras específicas, escolhemos os seguintes ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável).

Criatividade e Inovação para…

  1. … Educação e Investigação Académica
  2. … Negócios
  3. … Sustentabilidade
  4. … Transformação Social
  5. … Transição Digital
  6. … Colaboração
  7. … Cidades

Se estiver interessado em organizar um evento em um desses domínios, entre em contato connosco ou simplesmente registe-se aqui

Esperamos vê-lo em um dos eventos portugueses da WCIW deste ano!

A Mindshake celebra a WICW … com uma Open House no dia 15 de Abril!

Porque a Katja Tschimmel foi escolhida como a Embaixadora Portuguesa para esta iniciativa, na Mindshake redobramos os esforços para que esta semana fosse fantástica!

Assim, no dia 15 de Abril, abrimos a semana celebrando o 571º aniversário do génio criativo, Leonardo da Vinci, com uma programação especial na qual participam muitas outras pessoas e organizações para um dia de portas abertas.

Para aceder a uma moldura para usar na sua fotografia de perfil nas redes sociais ou a um header para a sua página de Facebook ou LinkedIn, clique no botão abaixo para descarregar estes materiais gráficos desenhados pelo Atelier Nunes e Pã e junte-se a nós! 

Centro de Inovação Social da C.M. Porto – Consultoria e Co-Criação

Redefinição e sustentabilidade do CIS e criação de um framework para a prototipagem de iniciativas de impacto social na cidade do Porto.

Em parceria com o Centro de Inovação Social (CIS) da Câmara Municipal do Porto, a Mindshake conduziu um projeto inovador de consultoria e co-criação. Financiado no âmbito da Abordagem Integrada para a Inclusão Ativa (AIIA), este programa teve como objetivo redefinir e sustentar o CIS como um catalisador para a Inovação Social na cidade do Porto.

Este processo foi executado pela Mindshake, em colaboração direta com a equipa do CIS e outros funcionários da Câmara Municipal do Porto. A sinergia entre a consultoria especializada da Mindshake e a experiência local proporcionou uma abordagem única para transformar o CIS em um hub dinâmico para a Inovação Social.

Objetivos do Projeto: O programa abrangeu quatro ações essenciais:

Ação 1 – Elaboração de um cronograma de trabalho

Ação 2 – Redefinição do CIS: Capacitar a equipa do CIS para aplicar técnicas de Design Thinking, visando redesenhar espaços e serviços associados ao Centro de Inovação Social, alinhando-os com a sustentabilidade do próprio serviço.

Ação 3 – Co-Criação de um Framework de Prototipagem: Desenvolver, em colaboração com as facilitadoras da Mindshake, um framework exclusivo para prototipagem de projetos de Inovação Social no âmbito do CIS.

Ação 4 – Toolkit de Prototipagem: Criar um toolkit abrangente que inclui ferramentas, templates e guiões de utilização para orientar inovadores sociais na prototipagem de soluções relevantes.

Participantes e Público-Alvo: Embora o projeto tenha sido conduzido predominantemente com a equipa do CIS e outros funcionários da Câmara Municipal do Porto, o impacto estende-se aos empreendedores sociais e ao ecossistema de Inovação Social da cidade.

Cliente: Centro de Inovação Social da Câmara Municipal do Porto

Ano/Duração: Maio, Junho e Julho de 2022

Categoria: Design Thinking para a Transformação Social

Processo e Sessões: As sessões formativas e de trabalho foram estruturadas no primeiro semestre de 2022. A Ação 2 envolveu workshops abrangendo o processo completo de Design Thinking, enquanto a Ação 3 e Ação 4 foram conduzidas em reuniões de trabalho e desenvolvimento autónomo pela Mindshake com validações intercalares pelo cliente.

Resultados: Capacitação significativa da equipa CIS em processos de co-criação e desenvolvimento de ideias e soluções e a entrega de um Framework de Prototipagem customizado para o CIS. Além destes entregavéis foi construído um Toolkit abrangente para guiar inovadores sociais nas suas jornadas de prototipagem.

Este projeto, que culminou com uma apresentação a representantes da Câmara Municipal do Porto, representa um marco crucial para o futuro sustentável do CIS e a promoção contínua da Inovação Social na cidade.

Workshop APGEI | Design Thinking para Recursos Humanos

Enquadramento

Na última década o Design Thinking (DT) estabeleceu-se como um método de inovação nas organizações. Tem sido aplicado no desenvolvimento de novos produtos, serviços e modelos de negócio. No entanto, este método pode ser também uma ferramenta muito eficaz na área dos Recursos Humanos, nomeadamente nos métodos de recrutamento, da retenção de talentos, na gestão de formação, na colaboração de equipas e na gestão de benefícios. O Design Thinking baseia-se na compreensão das necessidades profundas de diferentes perfis de stakeholders, desviando o foco de um process-oriented model para um people-oriented model, garantindo a qualidade da experiência de todas as partes interessadas.

Objetivos

• Desviar o foco do process-oriented model para um people-oriented model. • Melhor compreensão das etapas de um processo criativo sistematizado.
• Praticar o processo de criação coletiva na área dos Recursos Humanos.
• Experimentar e validar 12 técnicas do Design Thinking.

Metodologia

• Nas atividades do workshop utiliza-se uma metodologia participativa para facilitar a aquisição do conhecimento e a geração de novas ideias em grupo. Será apresentado um modelo de Design Thinking para a sistematização de processos criativos, o modelo EVOLUTION 6 (Emergence, Empathy, Experimentation, Elaboration, Exposition, Extension). Em cada uma das etapas do modelo, serão introduzidas e aplicadas várias técnicas do Design Thinking para desenvolver soluções inovadoras para uma experiência de RH: Opportunity Mind Map, Intent Statement, Stakeholder Map, User Journey Map, Insight Visualisation, Brainwriting, Idea Cluster, Idea Hitlist, Desktop Walkthrough, Role Play, Storytelling, Vision Statement.

Programa

Introdução

Warm-up: Exercício colaborativo de apresentação dos participantes.

Introdução ao conceito de Design Thinking, e da sua importância para os Recursos Humanos. 

Apresentação do modelo Evolution 6 e das técnicas associadas.

Emergência: Qual é o desafio/a oportunidade?

Introdução à etapa da Emergência, composta por métodos que ajudam a recolher dados pertinentes e a identificar novas oportunidades para uma nova experiência RH.

Realização de um Opportunity Mind Map acerca de uma área temática pré-definida.

Identificação de oportunidades para um projeto RH e elaboração de um Intent Statement.

Empatia: Quem é o público-alvo?

Introdução à etapa da Empatia, composta por técnicas que permitem entrar no ‘espaço’ do cliente RH, e entender o contexto de forma mais ampla. ¬ Realização de Entrevistas.

Realização de RH Journey Maps.

Visualização dos Insights.

Experimentação: Quais são as “melhores” ideias?

Introdução à etapa da Experimentação, composta por métodos que ajudam a gerar muitas ideias e ideias originais, e a experimentá-las.

Apresentação das dinâmicas do Brainwriting e Idea Cluster, e aplicação no processo de geração de ideias.

Elaboração: Como materializar o conceito novo?

Introdução à etapa da Elaboração, composta por técnicas e métodos que ajudam a desenvolver as ideias escolhidas.

Realização de um Desktop Walkthrough e Role Play.

Exposição: Como apresentar a nova solução?

Introdução à etapa da Exposição: apresentação do projecto a um público/cliente. ¬ Realização de um Storytelling e Vision Statement.

Apresentação com um Elevator Pitch.

Extensão: Como implementar as soluções?

Introdução à etapa da Extensão com as respectivos técnicas que apoiam a implementação das novas soluções. 

Reflexão acerca de todo o processo percorrido através do jogo de cartas do modelo E6.

Formadora: Joana Alves dos Santos

É consultora e formadora em Design Thinking, com competências na área de gestão de projetos, adquiridas em diversos contextos: empresariais, ensino superior e em organizações não governamentais. Tem o MBA Executivo da Porto Business School, no âmbito do qual frequentou os Programas Executivos Internacionais “Digital Innovation & Strategic Leadership” na University of Cornell (NY) e “Digital Transformation and Business Ethics” no IE Business School de Madrid. Licenciada em Ensino Básico pela Escola Superior de Educação do Porto, lecionou na Universidade Nacional de Timor Leste, colaborou com a Porto Business School no Business Ignition Programme para a U. Porto Inovação. Na Mindshake dedica-se atualmente a ações de formação em Design Thinking (presencial e online), à gestão de projetos, e é responsável pelas áreas da Inovação Social e da Sustentabilidade e Economia Circular.

Data e Horário

20 de Outubro 2022 | 9h00-13h00 e 14h00-18h00| Presencial | PORTO

Inscrições

Inscrições através do e-mail [email protected] ou em www.apgei.pt.

Celebration of the World Creativity and Innovation Day

On Thursday 21st April is the World Creativity and Innovation Day, which at Mindshake we celebrate since 2015.

This year will be an open door event in the Mindshake House in Porto, starting at 16h00. For who can’t join in place, we will open also a zoom meeting at 18h30 WEST time, where everybody can join for the oficial launch of our new collaborative book “Creativity and Innovation Affairs”, which was coordinated by Katja Tschimmel and designed by the designer double T*I*N*A.

Design of the book by T*I*N*A, Foto by Anatol Kowalewski

The book “Creativity and Innovation Affairs – Are they or are they not…?” is dedicated to clarify ambiguous concepts from the world of creativity and innovation. One of the initial triggers for the development of the book was the perceived ambiguity of the binomials Design vs. Design Thinking and Innovation vs. Invention. Frequently, designers and innovation consultants are questioned by their clients about the relationships between these kind of concepts. Has the second emerged through the first, or vice-verse? Is one part of the other? Where are the similarities and which are the differences? This conceptual incomprehension makes itself noticeable between many ambiguous concepts in the world of innovation and creativity. What is the difference between Radical and Disruptive Innovation? Or is Social Innovation the same as Social Intervention? And regarding Creativity, are Creativity and Creative Thinking the same? In this book the reader will find answers to these kinds of questions and doubts.
28 authors from 10 different countries and cultural backgrounds are questioning current definitions and perceptions, by comparing different sources and ideas, or simply by giving their personal opinions. Some of the authors have an academic background, others a practical one, being either entrepreneurs, working with innovation in companies, or being innovation/design consultants.

Welcome to the Creativity and Innovation Affairs 2022!